Utilizamos cookies próprios e de terceiros para disponibilizar os nossos serviços e recolher informação estatística. Se continuar a navegar no Site, aceita a sua instalação e a sua utilização. Pode alterar a configuração ou obter mais informação sobre a nossa política de cookies.

Glycyphagus domesticus
De Geer, 1778

Habitat

É relativamente comum em armazéns de alimentos e em grãos, e está também presente no pó doméstico. É de distribuição paleártica e mais frequente em climas temperados. É comum em Espanha, sobretudo em zonas rurais. Em Portugal, a sua distribuição é maior nas zonas interiores Norte e Sul. 

Tamanho: 0,40mm – 0,75mm

Ordem Astigmata - Família Glycyphagidae

Dados epidemiológicos

Foram referidos casos de dermatite em pessoas que interagiram com alimentos contaminados com este ácaro, que também provoca reações alérgicas em doentes debilitados. Nesta espécie, foi identificado o alergénio Gly d 2. Tem uma reação cruzada alta com as espécies Lepidoglyphus destructor e Tyrophagus putrescentiae, e baixa com as Dermatophagoides pteronyssinus e Acarus siro.

Ditribuçao, frequência e abundância

Exposição extrema:
presente em + de 75% das casas e população média de + de 1000 ácaros/g pó

Exposição alta:
presente em + de 75% das casas e população média de + de 50 ácaros/g pó

Exposição média:
presente em + de 25% das casas e população média de + de 100 ácaros/g pó

Exposição baja:
presente em - de 25% das casas ou população média de - de 100 ácaros/g pó

Ausência

Fuente: Mapa acarológico de Portugal. 2009 Laboratórios LETI, S.L. Dados procedentes de amostras de colchões.